Como agir ao ser abordado pela polícia? Versão 1.0

Em tempos de tiranodemia é de se esperar por abusos por parte dos policiais mais do que nunca, nesse caso o antigo procedimento ainda vale: ao ser abordado em tom abusivo diga "Eu conheço os meus direitos", com um tom de voz firme, mas sem afrontar.

O sujeito obviamente vai tentar te intimidar alegando que você o está desacatando ou vai falar qualquer coisa pra te amedrontar, mantenha olho no olho, veja o nome dele no uniforme (antes que ele te mande baixar a cabeça), e, se precisar, ainda bote o nome dele na frase "Eu conheço os meus direitos, soldado João Alves.". Não fale muito para não se comprometer, responda o que ele te perguntar, mas sem medo. Se ainda assim ele te agredir, lembre-se de que você já o informou sobre os seus direitos e que azar o dele querer comprar briga com advogado.

Também ajuda muito saber falar um bom português e mostrar uma postura de pessoa que seja minimamente inteligente, que com certeza é o caso de todos os que seguem esta página, pois não dá pra ser anarcocapitalista tendo-se menos de 3 dígitos de QI. As pessoas mais abusadas pela polícia são sempre as mais desinformadas e também aqueles que menos tem chances de se defender, por exemplo, moradores de rua negros que também são usuários de drogas. Não é lacração, isso acontece mesmo, a polícia no Brasil é racista pra caramba. Mas se isso te alegra: brancos também sofrem racismo em lugares com população majoritariamente negra, como na cidade de Salvador - BA.

Você não tem que afrontar, mas também não pode agir como se fosse um Zé ninguém que não tem onde cair morto.

Lembre-se de uma coisa: Psicopatas e sociopatas agem de formas diferentes. Os escandalosos que gostam de fazer show sempre são os sociopatas, ou seja, a maioria dos policiais que está na rua procurando gente pra abusar, enquanto que os psicopatas são os que estão no topo da hierarquia, já que sabem agir sem deixarem margem para escândalos. O sociopata é um sujeito desesperado, por isso que esse é o tipo mais comum de se encontrar nas ruas, já o psicopata sabe que pra ele chegar no topo é necessário saber manipular os outros e descartá-los quando for preciso, e fazer isso sem se expor.
Sabendo-se disso, os peões são mandados para a linha de frente no jogo de xadrez, pois podem ser facilmente descartados. É assim na polícia, é assim no exército, é assim na aeronáutica e até na marinha.

Cargos do topo da hierarquia não podem ser ocupados por gente que na primeira esquentada de cabeça vai botar todo o esquema da máfia estatal a perder. Você deve ter percebido também certa semelhança com a política. Todo o Estado funciona dessa forma, desde os bandidos amadores traficantes de drogas, até os profissionais: a segurança pública, os políticos, os burocratas, as empresas corporativistas e finalmente terminando na maçonaria, por isso é importante você saber como funciona a estrutura e como defender sua integridade física usando o próprio aparato legal dela.

Durante a abordagem, se você falar o nome do sujeito, é ainda pior pra ele. Nenhum policial quer bater de frente com um advogado, é muito difícil passar em concurso pra ter vida fácil, pra depois vir alguém e cortar o seu barato. Já que você é obrigado a servir um sistema escravagista, tire proveito dele quando os membros ou os apoiadores dele tentarem te ferrar. Você está quieto no seu canto, estão tentando pisar em você por que querem.

Se você tiver sugestões, deixe-as nos comentários para que este artigo possa ser atualizado.

0 comments: